Romeu Zema reafirma o compromisso de investir no Centro-Oeste mineiro

Crédito: Gil Leonardi/Novo

Governador e candidato à reeleição esteve em Pará de Minas e Itaúna para cumprir agenda de campanha.

O governador e candidato à reeleição, Romeu Zema (Novo 30), cumpriu uma série de compromissos, nesta quinta (25/8) e sexta-feira (26/8), no Centro-Oeste mineiro, região fundamental para o desenvolvimento econômico estadual e que conta com um grande número de investimentos da atual gestão.

Na manhã desta sexta, em Pará de Minas, Zema foi recebido por centenas de apoiadores na Praça Padre José Pereira Coelho, para fazer a caminhada no centro comercial, durante o evento “Pé no chão e Minas no coração”. Por quase duas horas, o governador conversou com eleitores e recebeu sugestões e propostas para o segundo mandato.

“Sempre fui um gestor chão de fábrica. Por isso, faço questão de estar próximo do mineiro para saber como a minha gestão pode melhorar. Um dos problemas que temos no Brasil é que se faz muita política de gabinete”, disse Romeu Zema.

Investimentos

Para a região, Zema reafirmou que a política de atração de negócios continuará num ritmo acelerado. Desde o início da gestão, Minas atraiu mais de R$ 246 bilhões de investimentos privados. Para efeito de comparação, foram R$ 26 bilhões durante todo o governo passado.

Zema lembrou que sem emprego a população não tem dignidade e oportunidade de crescer. De 2019 até agora, o estado criou cerca de 500 mil empregos com carteira assinada, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O Centro-Oeste tem um saldo positivo de 18 mil empregos na atual gestão.

Saúde

Zema também explicou que os municípios continuarão a receber os investimentos na área da Saúde. “Vamos concluir os hospitais regionais. Os recursos já estão garantidos. A região será atendida pelo hospital de Divinópolis, que representará uma melhoria na Saúde do estado”, afirmou.

Na Atenção Primária, a Macrorregião de Saúde Oeste, composta por 53 municípios, recebeu R$ 47,5 milhões, em 2021. Já o programa Valora Minas, política de Atenção Hospitalar do Governo, repassou, com a recomposição, mais de R$ 48 milhões no ano passado, sendo que no exercício anterior o valor foi de R$ 32 milhões. Ainda em 2021, foram encaminhados R$ 13,8 milhões para a compra de 9 tomógrafos.

Educação

Já na Educação, o Mãos à Obra, programa destinado para a reforma das escolas, direcionou R$ 9,4 milhões para a realização de obras em 31 unidades educacionais. Na troca do mobiliário e equipamentos diversos foram investidos R$ 39,3 milhões. Quanto à renovação e compra de computadores, a gestão Romeu Zema aplicou R$ 14,3 milhões na aquisição de 3.086 equipamentos.

Itaúna

O governador também foi recebido por apoiadores no município para uma caminhada na região Central. Zema conversou com comerciantes, ouviu diversas demandas da população e de um grupo de jovens. Para o grupo, o candidato teve a oportunidade de explicar o que a sua gestão está fazendo para garantir emprego e renda para os jovens.

“Hoje, o jovem pode contar com o Trilhas do Futuro, um projeto do Governo de Minas que oferece gratuitamente cursos técnicos aos estudantes e egressos do ensino médio. Além do curso, o estudante ainda conta com o transporte e alimentação, custeados pelo estado. Atualmente, 115 mil jovens estão matriculados”, explicou para mais de uma dezena de estudantes.

Crédito: Gil Leonardi/Novo

Setor produtivo

No Sindicato Intermunicipal das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Itaúna, o governador recebeu o apoio de 100 empresários. Zema teve a oportunidade de contar como trabalhou para alcançar indicadores expressivos para Minas.

“Minas é o estado mais seguro do Brasil, segundo o Ministério da Justiça. Também somos o mais transparente, conforme o TCU. Antes de assumir, ocupávamos a 20ª colocação. Se você desenvolve uma boa gestão não há o que esconder. Tivemos resultados satisfatórios na educação, atração de investimentos e, consequentemente, geração de empregos”, disse.

Zema também vistoriou as obras do novo trevo na MG-431, que liga Itaúna a Itatiaiuçu, e que está praticamente concluído.

Facebook
Twitter
LinkedIn