Zema é recebido por 10 prefeitos da região Leste em Caratinga

Crédito: Gil Leonardi/Novo-30

Candidato à reeleição ao Governo de Minas reafirmou seu compromisso com os municípios e os servidores.

O candidato à reeleição ao Governo de Minas Gerais pelo NOVO, Romeu Zema, foi recebido por 10 prefeitos da região Leste de Minas em visita a Caratinga, nesta terça (20). Ao discursar para centenas de apoiadores, lideranças políticas e empresariais, durante encontro num hotel da cidade, Zema reafirmou seu compromisso de atuar para atender as demandas dos municípios, especialmente do interior, onde estão 80% da população mineira.

“Minas segue avançando a uma média superior a do Brasil devido a esse trabalho conjunto entre o Governo do Estado e as prefeituras, que agora estão recebendo aquilo que é de direito delas. Estamos pagando [os compromissos] do presente e do passado, que não foram pagos. Estou reforçando meu compromisso com os mineiros e os prefeitos”, disse o candidato.

O prefeito anfitrião, Welington Moreira de Oliveira, disse ser testemunha desse trabalho. “O senhor, governador, devolveu o orgulho a nós mineiros”, discursou. “Com seu jeito mineiro, o senhor colocou o Estado novamente no caminho e ganhou o respeito dos outros Estados. Minas hoje é novamente respeitada na Federação”.

Zema também destacou o investimento feito em áreas como infraestrutura e educação, e frisou que após arcar com dívidas deixadas pela gestão PT-Pimentel, está conseguindo colocar a casa em ordem.

“Em um estado do tamanho da França você não faz isso em seis meses, um ano… Estamos recuperando rodovias em todo o Estado de Minas. Hoje estamos com mais de 70 frentes de trabalho com o programa Provias. Em 2022, pela primeira vez em mais de dez anos vamos encerrar o ano em situação melhor do que iniciamos o ano”, disse.

Crédito: Gil Leonardi/Novo-30

Perguntado em entrevista coletiva sobre o salário dos professores, Zema afirmou que os servidores podem esperar ainda mais respeito e valorização por parte do Estado em caso de um segundo mandato.

“Eu assumo o compromisso de não fazer como o governo PT-Pimentel que atrasou salários, que fez uma lei que nunca se transformou em realidade. Queremos continuar anualmente dando recomposição salarial para todas as categorias. E quem é professor sabe, nós estamos reformando mais de 1.400 escolas, os prédios hoje são melhores, investimos mais de R$ 800 milhões na troca de mobiliário que já tinha virado peça de museu”, disse.  

Ele completou: “quem é professor também sabe que estamos trocando todos os equipamentos de informática que estavam ultrapassados. E os pais sabem que a merenda escolar agora é de verdade, não é mais aquela sopa de arroz”.

Crédito: Gil Leonardi/Novo-30

Em Caratinga, o candidato do NOVO ainda fez caminhada pelo calçadão, no Centro, acompanhado pelo candidato ao Senado pela Coligação “Minas nos Trilhos”, Marcelo Aro, cumprimentou populares, parou diversas vezes para tirar fotos e ainda tomou um cafezinho numa lanchonete tradicional da cidade. 

Facebook
Twitter
LinkedIn